Tecnologia
Vazamento de dados de emails e senhas pode ser quase 50 vezes maior
O pacote de onde a "Coleção #1" foi tirado inclui arquivos intitulados "Coleção #2", "Coleção #3", "Coleção #4", "Coleção #5", "AP MYR&ZABUGOR #2" e "Antipublic #1"

Publicado em 18/01/2019 18:19

No Telegram, hackers oferecem pacotes de 4 TB de dados "atuais", por US$ 200 (Foto: Reprodução)

A enorme quantia de 800 milhões de contas de e-mail e senhas vazados pode ser apenas uma fração da gigantesca biblioteca de informações pessoais oferecidas na Internet.

O pacote de dados chamado "Coleção #1", totalizando 87 GB de dados, foi encontrado em um fórum hacker pelo pesquisador especialista em segurança digital Troy Hunt, que divulgou a descoberta em seu blog.

Hunt disponibilizou um site que permite verificar se seu e-mail consta entre as contas comprometidas no vazamento.

O nome do arquivo sinaliza a existência de uma sequência. Alex Holden, chefe de tecnologia da Hold Security, detalhou de qual diretório ele foi tirado após conversar com um hacker.

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

O pacote de onde a "Coleção #1" foi tirado inclui arquivos intitulados "Coleção #2", "Coleção #3", "Coleção #4", "Coleção #5", "AP MYR&ZABUGOR #2" e "Antipublic #1".

O tamanho total da pasta é de 993 GB, mais de dez vezes o tamanho da "Coleção #1".

Não se sabe como a "Coleção #1" foi disponibilizada no site de nuvem Mega, onde foi descoberto. O que surpreendeu os analistas e especialistas em segurança foi que o arquivo não estava à  venda — qualquer um poderia simplesmente baixá-lo, de graça.

Mais tarde, o conjunto maior dfe e-mails e senhas é vendido na internet por US$ 45. Os dados coletados são de vazamentos antigos. Ainda assim, é a maior coletânea de informações vazadas identificadas por Hunt.

No Telegram, hackers oferecem pacotes de 4 TB de dados "atuais", por US$ 200.

Como se proteger

  • Algumas precauções evitam que contas de e-mail e dados sejam exploradas pelos hackers;
  • Verifique se seu e-mail e senha já foram expostos em falhas e vazamentos no site HIBP;
  • Se teve alguma informação exposta, mude a senha de suas contas. Considere tornar isso um hábito regular, trocando a senha de tempos em tempos;
  • Use senhas fortes, especialmente para contas de Internet Banking e redes sociais;
  • Ative autenticação em dois fatores;

 

ClickPB


APP do SensocriticoPB
Google Play Store Apple App Store