Gastos
Corujinha gasta R$ 239 mil com limpeza e destina R$ 3,4 milhões em dois meses a comissionados
Do total empenhado, a Open Serviços e Terceirização de Mão de Obra LTDA, empresa que faz a limpeza e conservação do prédio, já recebeu R$ 119,5 mil.

Publicado em 10/04/2019 20:13 - Atualizado em 10/04/2019 20:13

João Corujinha, presidente da Câmara Municipal de João Pessoa (Foto: Reprodução/Assessoria)

A atual gestão da Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP), comandada pelo vereador João Corujinha, empenhou somente nos primeiros três meses deste ano um total de R$ 239 mil em favor de empresa responsável pela prestação de serviços de limpeza e conservação do prédio onde funciona o Poder Legislativo municipal.

Do total empenhado, a empresa Open Serviços e Terceirização de Mão de Obra LTDA já recebeu R$ 119,5 mil. Os dados são referentes ao período de 01/01/2019 a 10/04/2019, disponibilizados pelo Tribunal de Contas no Sagres. 

Outro setor em que a despesa da Câmara foi significativa este ano é o de pessoal contratado sem concurso, para cargos em comissão, mediante livre nomeação e exoneração. João Corujinha já começou o ano de 2019 gastando mais de R$ 3 milhões (R$ 3.423.733,33) com pagamento de salários somente dos cargos comissionados, nos dois primeiros meses do ano. 

Até o mês de fevereiro, segundo dados do Sagres do Tribunal de Contas, a Câmara já tinha 656 comissionados, contratados. Os maiores salários entre os cargos comissionados são da diretora-geral, com salário de R$ 15 mil por mês, os assessores especiais da mesa diretora, que ganham entre R$ 11 mil e R$ 14 mil, chefe de gabinete da presidência, também R$ 11  mil, entre outros assistentes especiais, procurador, coordenador, diretor, assessor da mesa, secretário da presidência e até assistente de cerimonial, todos com autos salários. 

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Veja quanto receberam em janeiro e fevereiro os comissionados com os 20 maiores salários: 

Por ClickPB


APP do SensocriticoPB
Google Play Store Apple App Store