BrasilPolicial

Município paraibano vira alvo de investigação contra comércio ilegal de madeiras

Polícia Federal deflagrou a operação “Hardwood”, com cumprimento de mandados de prisão e apreensão em cinco cidades do interior do Pará, além de uma na Paraíba. A operação investiga o desmatamento ilegal da floresta amazônica no Pará.

Foram expedidos seis mandados de prisão temporária e mais 11 mandados de busca e apreensão, pela Justiça Federal. Além das cidades de Uruará, Senador José Porfírio, Anapu, Santarém e Mojuí dos Campos, localizadas no Pará. O município de São Bento, situado no Sertão da Paraíba, também entrou na rota das investigações.

A operação “Hardwood” tem como objetivo combater a comercialização clandestina de madeira extraída de forma irregular, e teve início em 2020 com a apreensão, realizada pelo IBAMA, de 60 toras de madeiras.

Na época, a apreensão resultou no ataque de supostos madeireiros contra um fiscal do Instituto, que na ocasião foi atingido por uma garrafa na cabeça.

De acordo com a delegada federal Rúbia Fontes Meciano, as investigações apontam a participação de servidores públicos no envolvimento dos crimes. Foram apreendidos veículos, equipamentos eletrônicos e documentos que passarão por perícia.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo