Política
Após bate-boca na CPI, Omar Aziz adia votação de requerimento para convocação de Jair Bolsonaro

Publicado em 26/05/2021 15:45 - Atualizado em 26/05/2021 15:45

Reprodução

O requerimento de convocação do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) para prestar depoimento na Comissão Parlamentar de Inquérito do Senador Federal, protocolado pelo senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), vice-presidente da CPI, teve a votação adiada pelo presidente da comissão, o senador Omar Aziz (PSD-AM).

 

 

Após solicitar a convocação do presidente Jair Bolsonaro para depor à CPI da Covid, o senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP) bateu boca com seu colega bolsonarista Marcos Rogério (DEM-RO). Rogério chamou o requerimento de “piada” e revoltou Randolfe, que o acusou de fazer uma “defesa ensandecida” de Bolsonaro.

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

 

“Só falar em Jair Bolsonaro que o senador Marcos Rogério fica tenso aqui. […] Fica todo ouriçado quando se fala no presidente. Num momento mais acalorado da discussão, Randolfe disparou: “Eu acho que ele está morando no Palácio da Alvorada”, disse o vice-presidente da CPI da Covid.

 

Para apaziguar os ânimos, o presidente da CPI interveio na discussão e declarou que o pedido de Randolfe não iria para votação nesta quarta-feira.

 

 

 

 

 

 

 

Por Cristiane Cavalcante

 


APP do SensocriticoPB
Google Play Store Apple App Store