Policial

PF e CGU deflagram operação em município da Paraíba

A Polícia Federal deflagrou na manhã desta quarta-feira, 2, uma operação que prevê o cumprimento de cinco mandados de busca e apreensão por possíveis irregularidades na compra de materiais para o combate à pandemia de Covid-19.

O alvo são compras feitas pela prefeitura do município de Princesa Isabel, no Sertão paraibano. As informações foram confirmadas em nota enviada à imprensa.

Leia a nota na íntegra:

A Polícia Federal na Paraíba deflagrou, através da Delegacia de Campina Grande, na manhã desta quarta-feira (02/02/2022), a ‘operação Princesa do Sertão’, investigação resultado de um trabalho em conjunto com a CGU – Controladoria Geral da União.

O objetivo da ação é colher elementos de provas de possíveis crimes relacionados à malversação de verbas federais destinadas ao combate da Pandemia de Covid-19 na Paraíba, envolvendo suspeita de sobrepreço na aquisição, pela Prefeitura Municipal de Princesa Isabel/PB, de 5.000 (cinco mil) testes rápidos para detecção do Covid-19 e 40.000 (quarenta mil) máscaras descartáveis.

Estão sendo empregados 20 policiais federais, para que seja dado cumprimento a cinco mandados de busca e apreensão expedidos pelo TRF da 5a Região em Recife, todos na cidade de Princesa Isabel/PB.

Ascom

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo